Camboja

Exótico, histórico e pouco explorado

Pouco conhecido pela maioria dos viajantes, Camboja, localizado a sudeste da Ásia, é um país independente de língua oficial Khmer, moeda corrente Riel e que tem como capital Phnom Penh. O país fascina com um povo simples e sorridente, praias desertas, templos e culturas milenares! O destino se torna ainda mais empolgante pois as praias além de lindas, são vazias, bem diferente do que vemos na vizinha Tailândia, por exemplo!

Para conhece-lo, é necessário adquirir um visto que poderá ser tirado nos aeroportos, de forma extremamente simples. E aqui vai uma dica: a melhor época para visitar o país é de novembro a fevereiro, quando o clima está seco, mas não tão quente. Apesar da moeda local ser o riel, você não precisará trocar o seu dinheiro por ela, pois o dólar é aceito em todos os lugares, inclusive em saques de caixas eletrônicos! Outra dica importante: leve bastante dinheiro vivo, pois muitos lugares não aceitam cartões!!

Visitar Camboja é mergulhar de cabeça na história! O país ainda se encontra em reconstrução após a guerra civil, que levou a morte de quase um terço da população!! Além disso, parte de sua arquitetura está preservada e desenha o passado, o que causa nos turistas uma sensação de voltar no tempo.

https://gwtravel.com.br/2019/04/vietna-pais-que-so-se-conhece-quando-se-vive/

https://gwtravel.com.br/2019/04/suica-terra-dos-chocolates-alpes-incriveis/

https://gwtravel.com.br/2019/04/st-barthelemy-a-ilha-das-celebridades/

 

TURISMO EM CAMBOJA

Um ponto muito forte do turismo de Camboja é que o local ainda não é desbravado pelas pessoas como o Vietnã vem sendo, por exemplo. Isso torna os seus preços baixos e suas reservas naturais praticamente intocáveis! O desconhecimento do país asiático é uma grande vantagem para quem pretende visita-lo!
O templo de Angkor Wat é uma das atrações imperdíveis, localizado na cidade Siem Reap! É um dos maiores e mais preservados templos, com importante significado religioso e ponto máximo do estilo clássico da arquitetura Khmer. Khmer faz parte de um grupo étnico que, no passado, consolidou um império que foi capaz de dominar boa parte da Indochina! O templo leva o nome de Angkor Wat pois foi construído na zona de Angkor, a antiga capital do Império khmer.

A cidade de Siem Reap é o principal destino turístico de Camboja, sendo a porta de entrada para o maravilhoso complexo de templos de Angkor. Além disso, conta com inúmeros bares, restaurantes, hotéis e resorts a preços muuuuito baixos! O centro da cidade tem uma arquitetura mesclada, com influências francesas e chinesas.

O Mercado velho (Old Market) proporciona uma rápida introducão aos costumes locais! Em Siem Reap o budismo é predominante, valendo uma visita aos templos para conhecer de perto a religiosidade daquele povo!

Em Phnom Penh, capital de Camboja, centenas de monges caminham livremente em meio à tuk-tuks, bicicletas, motos e veículos pelas ruas arborizadas.. Os mercados ricos em sedas, souvenires, artesanatos e comidas locais estão fervendo desde as seis da manhã! Uma comida bem gostosa e típica é o Amok – um prato estilo moqueca, feito com peixe, leite de coco, cogumelo, cenoura, manteiga e temperos diversos. Penh é relativamente pequena e as suas principais atrações se encontram no centro da cidade, podendo ser percorrido a pé!
O Camboja foi ao inferno e voltou. De 1969 a 1975, sofreu intensos bombardeios dos Estados Unidos! Esse cenário felizmente está enterrado! Os contrastes sociais sao de fato visíveis, pois a população vive em extrema pobreza, mas não economiza em sorrisos e bons tratos aos estrangeiros.
O país se abriu recentemente para o turismo e passou a ser um destino imperdível na lista dos turistas, apresentando belas ruínas, paisagens virgens e templos grandiosos.

 

Quem o conhece verdadeiramente, se encanta para sempre!!!

*Esse post foi feito para o site do Gui Torres.